Pesquisa brasileira aponta benefícios no uso da Cannabis medicinal para tratamento da esquizofrenia

 

A esquizofrenia é um transtorno da mente caracterizado pela paranoia constante e pela ocorrência de episódios psicóticos. Os sintomas mais comuns que acometem os pacientes esquizofrênicos são alucinações, teorias delirantes, comportamento desordenado e agitação psicomotora, mas existem outros sintomas associados, como isolamento social, dificuldade em sentir emoções, diminuição da iniciativa e falta de higiene pessoal. 

As pesquisas envolvendo a Cannabis medicinal no tratamento da esquizofrenia são realidade atualmente na comunidade científica e os resultados promissores instigam ainda mais o uso dos canabinoides para tratamento das doenças da mente. Hoje vamos entender a fundo uma dessas pesquisas, realizada pela Unicamp, aqui no Brasil.

 

Por que a esquizofrenia existe?

 

Não se pode afirmar com certeza a causa da esquizofrenia, mas acredita-se que ela é definida por uma combinação de fatores genéticos e ambientais, que causam alterações cerebrais. Há sim uma predisposição genética envolvida, mas episódios de grande estresse, uso de substâncias ilícitas, principalmente na adolescência, infecções cerebrais ou problemas no nascimento podem estar associados ao aparecimento da doença. Ela acomete cerca de 21 milhões de pessoas em todo o mundo e, desta parcela, 20% tenta o suicídio.

 

Os tratamentos convencionais

 

A medicina, por muitos anos, não soube lidar com os esquizofrênicos e o fato é que ainda há muito a se aprender. Os tratamentos que existem hoje consistem em acompanhamento terapêutico, uso contínuo de antipsicóticos e cuidados específicos com os sintomas de cada paciente, que culminam na tentativa de reabilitação do paciente e controle dos episódios psicóticos que podem ocorrer. Mas, esses tratamentos vêm acompanhados de muitos efeitos colaterais e nem sempre têm resultados satisfatórios, menos ainda quando não são iniciados de forma precoce, nos primeiros sinais da doença. Então, quais as alternativas para esses pacientes e suas famílias? 

 

A Cannabis medicinal e a esquizofrenia

 

A Unicamp realizou uma pesquisa científica com o canabidiol como tratamento da esquizofrenia. O pesquisador Daniel Martins-de-Souza, em conjunto com outros cientistas do Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), descobriu uma possível causa da doença e como lidar com ela através do canabidiol isolado, observando como resultado a diminuição dos sintomas e o aumento do desempenho cognitivo. 

A sua descoberta aponta que pacientes esquizofrênicos apresentam um defeito nos oligodendrócitos, que são células do nosso corpo que produzem uma camada protetora das células do sistema nervoso central, chamada bainha de mielina. Na esquizofrenia a alteração dos oligodendrócitos é evidente e esse defeito pode ser o causador de todos os problemas, prejudicando a comunicação entre os neurônios e fazendo com que todo o metabolismo das regiões cerebrais afetadas fique mais lento — originando assim os sintomas da doença. 

O uso do canabidiol demonstrou eficiência em regular essa função celular e assim atingir o equilíbrio das funções corporais, revertendo a situação celular, acabando com os sintomas e trazendo qualidade de vida aos pacientes.

Essa pesquisa, que já demonstra resultados promissores, ainda passará por mais fases de testes, mas já foi publicada em três revistas científicas internacionais veiculadas na Europa e Estados Unidos.

 

Óleos de CBD Pangaia

 

Somos uma empresa multinacional norte-americana que atua no mercado brasileiro como comerciante de produtos à base de Cannabis. 

Em busca de proporcionar melhor qualidade de vida e tratamentos alternativos, os óleos de CBD Pangaia são produzidos por um time de especialistas com mais de 15 anos de experiência na área e são submetidos a um rigoroso controle de qualidade em todas as suas etapas de produção. 

Clique aqui, acesse nosso site e conheça todos os benefícios do CBD.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima